Deixe-me livre para ser.

paz13

Sabe aquele momento da sua vida em que tudo que você precisa é ser deixada em paz? Não digo no sentindo de estar cansada das pessoas, mas sim de certas situações. Então naquele momento tudo que você precisa é de um pouco de paz. Sim, paz. Paz significa ausência se conflitos, calma, sossego e tranquilidade. É exatamente disso que eu preciso e um pouco mais. O “um pouco mais” é uma liberdade espiritual que sempre almejo, mas são poucos os momentos que a consigo encontrar. É aquele período em que eu passo sem pensar em nada além dos meus objetivos atuais e futuros. Nesse instante encontro-me feita de metades. Metade de mim está imersa nessa liberdade de espírito e a outra sendo puxada para um turbilhão de emoções e inconstâncias. Mas aí está a questão: agora não quero ser puxada por esse turbilhão. Não mesmo. Recuso-me a sair de um período de inconstância e adentrar em outro. Preciso do meu tempo. Só pra mim. E agora. Isso seria egoísmo da minha parte? Não sei, talvez seja. Mas sabe, estou cansada de ser levada por emoções que no final não me trazem benefício algum. Sinto que é hora de descansar um pouco. Fazer minhas coisas e colher bons frutos dos meus esforços. Porque ninguém vive só dos outros. Você passa um tempo tentando alcançar o outro, mas uma hora precisa parar para alcançar a si mesmo. Uma hora você precisa parar e decidi ser. Ser o quê? Qualquer coisa que você quiser ser. Porque quando você tem as ferramentas para fazer de você a pessoa que quer, por que não colocar isso em prática? E porque não agora? Porque temos essa imensa necessidade de esperar para depois, esperar para o próximo mês ou para o próximo ano? A vida pode parecer longa em suas tardes preguiçosas de um dia de trabalho, mas ela é bastante curta em seus anos relembrando momentos já vividos. Então, exatamente nesse momento, quero que me deixem. Quero que não me perturbem. Quero não perturbar ninguém. Pois preciso desse momento pra mim. Preciso de um momento só meu. Pois quero que me deixem livre para ser. Deixem-me livre para ser tudo o que eu puder e quiser ser.

Xx,

Amanda Lobo.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s