E foi assim que Almodóvar me conquistou!

pedro3

Já tinha ouvido falar de Pedro Almodóvar, mas até pouco tea-pele-que-habito_smpo, nunca tinha visto nenhum de seus filmes. Isso mudou quando assisti ‘A Pele Que Habito (2011)’, filme por qual fiquei perdidamente encantada e transtornada, pois logo me veio à cabeça: “Esse homem é louco, e é um gênio!” e foi essa a primeira impressão que ele causou em mim. Nesse longa em que Pedro Banderas é o protagonista, ele interpreta um famoso médico cujas pesquisas se baseiam na construção de uma pele perfeita para humanos, Almodóvar traz consigo um enredo repleto de dramas psicológicos que te fascinam a cada momento em que você descobre algo mais sobre a história. A partir daí, comecei a ver vários de seus filmes e ele rapidamente se tornou um dos meus diretores favoritos.

Almodóvar é um diretor espanhol e é famoso por algumas características singulares em sua obra. Como por exemplo, sua fotografia, que é repleta de cores fortes e com uma presença marcante da cor vermelha em muitos de seus filmes. Por tratar de assuntos considerados polêmicos como a homossexualidade, assédio sexual por padres dentro da Igreja Católica e estupros. E por também retratar a cultura de seu país de origem.

PENELOPE CRUZ Volver (1)
Penelope Cruz em Volver.

O motivo pelo qual considerei o espanhol um gênio desde o primeiro filme dele que vi é que as histórias criadas por ele exploram o lado mais doentio do ser humano e isso é fascinante. Quando você começa a ver algum de seus longas, geralmente pensa que é uma história simples, pois não são o tipo de filme que expressa uma ostentação cinematográfica como boa parte das atuais cartelas hollywoodianas, onde a imagem passada é de que o filme será incrível e acaba tornando-se apenas uma produção com um alto orçamento. Claro que não estou generalizando, mas essa é realmente uma realidade no cinema atual. Mas isso não é encontrado em Almodóvar, pois com uma aparente simples história, com poucos personagens e cenários cotidianos, ele te surpreende a cada um de seus filmes. É simplesmente incrível a criatividade que o diretor possui para criar suas obras de arte. Obviamente nem todos os seus filmes são iguais ou até mesmo conseguem seguir uma mesma linha. Às vezes isso resulta em algo bom, outras vezes fórmula não dá tanto certo. Exemplo disso é ‘Mulheres a Beira de um Ataque de Nervos (1988)’. É um filme curto, mas que me custou a terminá-lo. A história parece que perde o rumo ao tentar se encontrar e apesar de possuir Pedro Banderas como um de seus atores, os personagens são um tanto quanto desinteressantes. Não despertam uma curiosidade para tentar descobrir quem eles são, porque eles fazem o que fazem, como normalmente acontece nos filmes de Almodóvar. Já ‘Tudo Sobre Minha Mãe (1999)’ é um dos filmes mais singelos dele, e quando eu digo singelo é um elogio, e que te envolve sem mesmo você perceber. Com a presença da talentosa Penélope Cruz e de Cecilia Roth, atriz que até então eu não conhecia, é um de seus filmes mais encantadores e conta com um dos temas que o espanhol gosta de tratar que é a inserção dos travestis na sociedade. Penélope tem uma performance maravilhosa também em ‘Volver’, um dos meus favoritos dele. Em ‘Volver (2006)’, ela interpreta uma mãe que esconde a história sobre quem é o pai de sua filha, segredo esse que se revela mais admirador do que parece inicialmente.

Não podemos esquecer de ‘Má Educação (2004) ’, com Gael Garcia Bernal, que interpreta um travesti mas que na verdade só está atrás de se redimir para com o destino que tomou a vida de seu irmão. E de ‘Fale com Ela (2002)’, que ganhou o Oscar na categoria de Melhor Filme Estrangeiro e conta a história de um enfermeiro apaixonado por uma paciente que se encontra em coma.

Má Educação.
Má Educação.

Não vou me prolongar sobre os enredos dos filmes citados, pois não sei fazer isso sem dar spoilers. Mas, pra quem gosta de cinema que surpreende, não pode deixar de conhecer Pedro Almodóvar. O diretor que explora as piores características dos seres humanos e as torna incríveis em suas obras.

Confira abaixo os trailers de alguns filmes que falei:

# A Pele Que Habito

 

# Volver

 

# Tudo Sobre Minha Mãe

 

Xx,

Amanda Lobo.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s