Escolhas.

Na vida fazemos escolhas. Escolhemos se vamos continuar no mesmo caminho, se vamos mudar de direção. Se vamos continuar usando os mesmos estilos de roupas, fazendo as mesmas escolhas amorosas ou se simplesmente escolhemos parar de escolher tanto assim. O fato é que sempre estamos tomando decisões. Essas que podem afetar apenas a nossa vida ou também a vida de todos ao nosso redor. De todas as escolhas que fazemos, uma das mais libertadoras é quando escolhemos parar de sofrer. Essa também é uma das escolhas mais difíceis da vida. Pelo menos pra mim. Não que eu goste de sofrer. Não, não. E quem é que gosta? Mas a questão é escolher parar de sofrer é difícil sim. Difícil porque o sofrimento é algo que se acostuma a ter. Pode passar despercebido, mas é muito mais fácil se manter em um certo tipo de sofrimento do que lutar para sair dele em busca de sua felicidade. Sofrer é cômodo. E a felicidade exige esforço. Quando falo em felicidade não me refiro àquela utopia de alcançar a felicidade plena como se fosse um lugar a se chegar. Vejo a felicidade como algo pelo qual lutamos todos os dias, algo a ser cultivado sempre. Não se alcança a felicidade, mas se tem ela dentro de si. É algo constante. E ser feliz também é uma escolha. Difícil, mas quando se opta por ela, a recompensa é nada mais que prazerosa.
Tem também a escolha dos nossos relacionamentos. É verdade que não escolhemos por quem nos apaixonamos. Mas, podemos tentar não cair no mesmo padrão e podemos também escolher simplesmente não sofrer mais por aquilo que não vale a pena. Ou por quem não vale a pena. Sim, também é uma escolha difícil. Mas, já pensou como seria não sofrer mais por aquela pessoa que não partilha dos mesmos sentimentos que você? Já pensou como isso pode nos fazer bem? É claro que todos nós, como seres humanos que somos, passamos por esse tipo de situação. E tenho percebido que é algo mais constante do que deveria, pois com o passar do tempo essa situação continua a nos perseguir, porém o que muda é o modo como lidamos com ela. Já não sofremos mais por tanto tempo pela mesma pessoa ou não sofremos mais da mesma forma. Vamos usando esse tipo de sofrimento para nos fortalecer com o passar dos anos e isso sim é um verdadeiro aprendizado.
Escolhas. São tantas elas que nem sei enumerar. Mas sei que é uma das poucas certezas que temos na vida: a de que vamos sempre ter que escolher, não importa em qual situação nos encontremos. Às vezes aprendemos com as más escolhas que fizemos. Outras vezes fazemos sempre as escolhas ditas certas e não aprendemos nada com isso. E na maioria das vezes, certas escolhas são necessárias para que mudemos nossa visão sobre a vida. Sem ela nunca poderíamos descobrir quem de fato somos. Só agradeço a Deus porque existe a possibilidade da escolha. Porque imagine, o que faríamos da vida se não pudéssemos escolher?

 

Xx,

Amanda Lobo.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s