A Lista de Schindler, 1993.

lista de schindler 1

Direção: Steven Spielberg

Fotografia: Janusz Kamiński

É difícil não ouvir falar de um filme que teve sete indicações ao Oscars. Quando se gosta de cinema, você sempre ouve falar daqueles filmes que temos que ver antes de morrer. Os super prestigiados. E um deles é A Lista de Schindler, de Steven Spielberg. Spielberg é conhecido por fazer filmes que tendem a ser super produções e muito bem recomendados. Nunca abri muito os olhos para seu trabalho, mesmo tendo assistido a alguns de seus longas, como Lincoln, Transformers, Cavalo de Guerra, todos muito bons, nunca tinha parado para pensar nele como diretor. Isso mudou hoje, ao assistir A Lista de Schindler!18906271

Eu tinha uma base do que se tratava o filme. Já tinha baixado ele a bastante tempo, mas não tinha tirado um tempo para assisti-lo, pois ele é bem longo. Hoje, sem planejar, peguei A Lista de Schindler pra assistir. Primeiro que é um filme sobre o Holocausto, o que já me cativa. Acredito que dificilmente haverá erro em um filme que retrate essa barbaridade ocorrida durante a Segunda Guerra Mundial. Segundo, que é um longa biográfico. Sou apaixonada por filmes biográficos. Acho que contar a história de alguém lhe dá a oportunidade de ver a pessoa com um olhar diferente do que as outras pessoas viam. E isso é fascinante.

A Lista de Schindler conta a história de Oskar Schindler (Liam Neeson), um empresário alemão, que comovido com a situação dos judeus, contratava-os para trabalhar em suas fábricas para ajuda-los a fugir dos campos de concentração. No início, Oskar não se importava com essa situação, pelo contrário, só estava preocupado em ganhar dinheiro, contratar operários judeus como mão-de-obra mais barata e achava que a guerra era sinal de lucro para ele. Porém, quando seu contador judeu é levado pela polícia nazista e parte dos seus operários também estão sendo levados ou mortos, a situação começa  a mudar. Primeiramente, seu carinho para com seu contador, Itzhak Stern (Ben Kingsley), aumenta, pois Schindler faz de tudo para livrar ele do campo de concentração, destinando-o trala-lista-de-schindler-013balhos da fábrica para que os soldados não coloquem ele para trabalhar no campo. E com isso, Stern, que é um homem bondoso, passa a indicar judeus que estão presos no campo de concentração para trabalhar na fábrica de Schindler e não serem mais sujeitos aos maus tratos nazistas. Oskar, um homem influente e poderoso, fica amigo de um dos comandantes da polícia nazista que supervisiona o campo, Amon Goth (Ralph Fiennes), um homem frio que mata meramente pelo prazer.

Com o tempo, a fama de Schindler cresce e sua compaixão também. Até que se torna para ele uma missão salvar o máximo de judeus que puder colocando-os para trabalhar em suas fábricas.

O filme tem uma fotografia espetacular! Desde a famosa menina do casaco vermelho que é marcante tanto para o filme quanto para Oskar, passando pela imagens da guerra retratadas com bastante emoção e finalizando com a cena final, quando os judeus sobreviventes graças a Schindler, aparecem na cena que de preta e branca, como o filme foi gravado, se torna colorida. É como se Spielberg quisesse mostrar que os tempos sombrios finalmente acabaram. Foi a cereja do bolo!

Após assistir A Lista de Schindler, percebo  a importância do trabalho de Steven Spielberg e o porquê esse filme foi tão marcante para sua carreira de diretor. As sete indicações ao Oscars que recebeu e os outros prêmios pelo longa, foram mais que merecidos. O filme é uma verdadeira obra-prima!a-lista-de-schindler-foto-2

P.S. Quero destacar a atuação de Ralph Fiennes! Acompanho o trabalho dele como ator, que é um dos meus preferidos (mas ainda perde pra Johnny Depp, que encabeça a minha lista desde sempre), e devo admitir que a atuação dele como o oficial Amon foi espetacular! O modo como ele expressava a crueldade nos olhos do personagem me chamou atenção. Não é a toa que ele é o eterno Voldemort, não é mesmo?! Um show de ator!


Xx,

Amanda Lobo.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s